A importância do Volante de Inércia

Outros 06/Mai/2021 36
A importância do Volante de Inércia

As soluções mais comuns de climatização para as novas construções, incluem uma Bomba de Calor. Ou associadas a pavimento radiante, a ventiloconvectores ou mesmo a radiadores, a Bomba de Calor domina atualmente as opções de escolha.

E sempre que decidimos instalar uma Bomba de Calor, há uma questão importante que se levanta: devo ou não prever a montagem de um Volante de Inércia em associação à Bomba de Calor?

Na minha opinião, a resposta é clara: Sim! Sempre!

Vou, aliás, mais longe e afirmo que um volante de inércia é um componente que seria útil em qualquer tipo de instalação centralizada de aquecimento, não só as que incorporam Bombas de Calor, mas também as que utilizam caldeiras a biomassa, ou seja, lenha e pellets principalmente, ou mesmo caldeiras a gás ou gasóleo.

Contudo, por não ser um componente absolutamente essencial ao funcionamento da instalação, é muitas vezes relegado para o esquecimento, já que o sobre-custo que implica, acaba por dificultar a concretização do negócio.

Mas o que é afinal um volante de inércia?

Essencialmente trata-se de um depósito de pequena capacidade que fica intercalado entre a Bomba de Calor e os emissores de calor, os já referidos pavimento radiante, ventiloconvetores ou radiadores.

E para que serve um volante de inércia? Qual é a sua função?

Um volante de inércia, tem, fundamentalmente duas funções.

A primeira é que permite aumentar o volume de água da instalação, assegurando assim uma maior inércia do sistema, ou seja, reduzindo os arranques e paragens da Bomba de Calor o que lhe confere seguramente uma maior durabilidade.

Mas a principal função está na separação hidráulica entre a Bomba de Calor e os emissores de calor. A existência de um volante de inércia permite que a Bomba de Calor funcione com um caudal estável e constante, evitando variações que poderiam inclusivamente provocar o seu bloqueio.

Em conclusão, podemos dizer que um volante de inércia não é essencial ao funcionamento de uma instalação com Bomba de Calor, mas as suas vantagens tornam-no praticamente obrigatório.